Como Treinar o Seu Dragão 2

0

Dragões e vikings possuem tanto apelo aqui no DELFOS (seja entre delfianos ou delfonautas) quanto ruivas com bacon. Ora, é só ver o glorioso mascote do site, o qual costuma estampar o canto da página! Por isso, era de se imaginar que a animação Como Treinar o Seu Dragão chamaria a nossa atenção.

Mas pela resenha linkada acima, você viu que o longa não agradou tanto assim o Corrales. Eis que chega agora a continuação e esta apresenta muito mais potencial para colocar um desenho sobre destemidos guerreiros vikings e seus ferozes dragões cuspidores de fogo num patamar que ambos merecem.

Cinco anos se passaram desde os eventos do filme original. A aldeia dos vikings está perfeitamente integrada aos dragões, convivendo em harmonia. Mas eis que Drago, um impiedoso caçador de dragões, surge para ameaçar esse equilíbrio. Cabe à dupla Soluço (agora visto como um grande herói) e Banguela resolver o problema e restaurar a paz.

O novo longa trás de volta toda a galera do primeiro, além de apresentar novos personagens e dragões. Também possui piadas mais simpáticas (especialmente as que envolvem a viking tarada) e investe mais na ação, tornando-o muito mais movimentado que seu antecessor. Até mesmo o 3D é bastante eficaz nas sequências agitadas, especialmente nas muitas e belas cenas de voo.

Os dragões que se comportam como cachorros continuam muito bonitinhos e isso até ganha mais espaço aqui. Visualmente a produção também está muito caprichada e há momentos envolvendo dragões maiores que impressionam pela escala. É o tipo de animação que faz bonito e merece ser assistida na tela do cinema.

Basicamente, ela pegou todos os elementos do primeiro longa que funcionaram e os ampliaram, seguindo a lei das sequências, de fazer tudo maior e mais impactante. E funciona, visto que é de fato muito mais bem resolvido e divertido que seu antecessor. Contudo, também não escapa de alguns inevitáveis clichês do gênero, como, por exemplo, a obrigatória parte triste, além do momento onde os companheiros tidos como inseparáveis se separam.

O foco também é muito mais nos pequenos que nos adultos. As crianças com certeza vão adorar, mas não faria mal se o roteiro investisse um pouco mais em piadas e referências destinadas aos marmanjos. Do jeito que ficou até está legal, mas é visível que há espaço para mais desenvolvimento e mais humor.

Como Treinar o Seu Dragão 2 é bem superior ao original, ainda que não seja exatamente um baita longa de animação. Mas ao menos mostra um bem-vindo salto de qualidade na franquia, com espaço para melhorar ainda mais na já confirmada terceira parte. Quem gostou do primeiro filme certamente vai curtir este aqui também. E quem não o achou grandes coisas, pode gostar muito mais desse. Vale a assistida, afinal de contas, são vikings e dragões!

REVER GERAL
Nota
Artigo anteriorO Homem Duplicado
Próximo artigoTranscendence – A Revolução
Formado em cinema (FAAP) e jornalismo (PUC-SP), também é escritor com um romance publicado (Espaços Desabitados, 2010) e muitos outros na gaveta esperando pela luz do dia. Além disso, trabalha com audiovisual. Adora filmes, HQs, livros e rock da vertente mais alternativa. Fez parte do DELFOS de 2005 a 2019.