Os diretores e roteiristas Olivier Nakache e Eric Toledano ficaram famosos por Intocáveis. Desde o imenso sucesso de sua edificante comédia, eles chegaram a fazer Samba, também com Omar Sy no elenco. Agora, Assim é a Vida, nova comédia da dupla, chega aos nossos cinemas.

Assim é a Vida, DelfosAqui conhecemos Max (Jean-Pierre Bacri), um organizador de casamentos. O filme todo acontece ao longo de um dia de trabalho. Se você sempre fez piadas com o preço absurdo que as empresas cobram para serviços relacionados a casamento, está aqui um filme que mostra que organizar uma festa não é assim tão simples.

Max tem que lidar com um noivo egocêntrico e funcionários irresponsáveis, entre eles um músico que acha que a banda é a coisa mais importante da festa e um fotógrafo que sai do sério com a insistência dos convidados em tirar fotos com celulares ao lado dele.

Pois é, meu amigo, este é um filme sobre as tradicionais altas confusões. Assim, não é especialmente criativo, mas é leve, divertido e arranca boas gargalhadas.

ASSIM É A VIDA

De fato, o fotógrafo e o cantor da banda constantemente roubam a cena. O cantor por ser simplesmente um babaca, e o fotógrafo porque… bem, suas reclamações fazem sentido. Se os noivos contrataram um fotógrafo, por que a mãe do noivo tem que ficar do lado dele tirando as mesmas fotos?

Assim é a Vida, Delfos
Malditos celulares, meu!

Dado o trabalho mais famoso dos diretores, você pode esperar algo parecido com Intocáveis, mas Assim é a Vida divide com o filme mais famoso apenas o gênero. Na verdade, trata-se de um filme mais leve, que não trata de assuntos espinhosos e tem como único objetivo divertir o espectador. E consegue.

Assim é a Vida é um longa descompromissado e agradável, que funciona muito bem se assistido em um sábado à tarde. Sugiro entrar no cinema com um milk-shake. Hum… milk-shake.