Assine a feed desta seção!
Assine os comentários do site
Siga o Delfos no Twitter!

Título original: El Ciudadano Ilustre
País de origem: Argentina/Espanha
Ano: 2016
Gênero: Dramédia
Duração: 118 minutos
Distribuidora: Cineart
Direção: Gastón Duprat e Mariano Cohn
Roteiro: Andrés Duprat
Elenco: Oscar Martínez, Dady Brieva e Andrea Frigerio.
Nota:



O Cidadão Ilustre

Publicado em 10/5/2017 às 00:01

Texto por Carlos Cyrino

Que eu gosto muito do cinema argentino, já não é nenhuma novidade. Junte isso a uma temática literária, a qual também muito me interessa, e logo O Cidadão Ilustre teria grandes chances de cair no meu gosto. E ainda que não seja um dos melhores exemplares da cinematografia da terra de Lionel Messi, ainda assim ele é bem bacana.

Daniel Mantovani é um escritor argentino radicado na Espanha e ganhador do Prêmio Nobel de Literatura. Um dia ele recebe um convite da prefeitura de sua cidadezinha natal para ir até lá receber uma homenagem de Cidadão Ilustre e participar de alguns eventos.

Ele decide comparecer e, nos poucos dias em que passa no vilarejo ao qual não retornava há quarenta anos, não vai demorar muito para se lembrar de porque saíra de lá e nunca mais voltara. Situações constrangedoras, tipos estranhos e os costumeiros chupins de gente famosa vão dar as caras, criando um monte de saias justas para o tranquilo escritor.

O longa faz a tradicional mistura de drama e comédia com muita competência. Apesar das situações estilo "vergonha alheia" em que ele acaba se metendo, é perceptível que há sempre um tom saudosista por trás do motivo de sua volta à cidade, com ele se reconectando com sua juventude e com a principal fonte de inspiração para suas histórias.

À medida em que os dias por lá vão passando, as coisas também começam a ficar mais estranhas e engraçadas. Várias situações são exploradas, desde o reencontro com um antigo amigo de infância até Daniel arranjar seu próprio arquiinimigo local, que passa a tentar se promover denegrindo a imagem do autor mundialmente reconhecido.

O filme é bacana e explora bem as locações da cidadezinha interiorana e os tipos que a habitam, sendo que muitos deles também são facilmente encontrados em nossa própria terrinha.

Também vale ressaltar que o terceiro ato foge um pouco da combinação azeitada de drama e comédia e parte para algo um tanto mais exagerado. Talvez isso desagrade quem estava gostando do tom da produção até então, mas pode vir a agradar quem curte o lado mais cômico.

No geral, O Cidadão Ilustre é bastante simpático e, como disse lá no primeiro parágrafo, embora não seja uma das películas mais memoráveis de nossos hermanos, ainda é boa o bastante para merecer uma assistida por qualquer apreciador do cinema argentino.

Leia mais sobre Dramédia, Argentina, Gastón Duprat, Mariano Cohn, Cineart.




 

24/5/2017 - Punhos de Sangue conta a história do Rocky de verdade
18/5/2017 - Um Homem de Família
18/5/2017 - O Rastro
17/5/2017 - Rei Arthur: A Lenda da Espada
16/5/2017 - Corra!
11/5/2017 - Uma Dama de Óculos Escuros com uma Arma no Carro
10/5/2017 - O Cidadão Ilustre
8/5/2017 - Alien: Covenant
4/5/2017 - Rock Dog: No Faro do Sucesso
3/5/2017 - A Autópsia
26/4/2017 - Além da Ilusão
20/4/2017 - Paixão Obsessiva
19/4/2017 - Gostosas, Lindas e Sexies
18/4/2017 - Vida
12/4/2017 - Velozes e Furiosos 8
6/4/2017 - Despedida em Grande Estilo
5/4/2017 - Os Smurfs e a Vila Perdida
4/4/2017 - Cães Selvagens
30/3/2017 - A Vigilante do Amanhã: Ghost in the Shell
29/3/2017 - O Poderoso Chefinho
1234567... 77


· Busca Avançada

Login
Senha
Lembrar de mim:
Ainda não é cadastrado?
Então clica aqui!









Copyright © Delfos 2004 - .